19 Anos
Mais de 400 Clientes

Variedade > Esporte

Fonte: Superesportes / Gazeta Press | Imagem: AFP / JOAQUIN SARMIENTO | Link Notícia

06/12/2018

Atlético-PR empata com o Junior Barranquilla em primeiro jogo da decisão

Furacão sai na frente e quase leva virada, mas conquista bom resultado

Informações compartilhadas Superesportes

O Atlético-PR foi à Colômbia para o jogo de ida da final da Copa Sul-Americana e voltará para casa com um empate em 1 a 1, diante do Junior Barranquilla, depois de sair na frente no Estádio Roberto Meléndez. Com o resultado, o título está totalmente em aberto, já que não existe a vantagem do gol qualificado.

Depois de um primeiro tempo em branco, Pablo abriu a contagem para o Rubro-Negro, aos quatro minutos da etapa final. A comemoração durou pouco, já que Yony González deixou tudo igual aos sete minutos. Rafael Pérez ainda perdeu uma penalidade, aos 26 minutos, carimbando a trave.

As equipes voltam a se encontrar na próxima quarta-feira, desta vez na Arena da Baixada, em Curitiba, onde o Furacão faz uma ótima temporada.

O jogo

A equipe colombiana, empurrada pelo torcedor, mostrou seu cartão de visitas logo no primeiro minuto, com Díaz arriscando o chute de fora da área para defesa segura de Santos. Narváez também tentou o tiro de longe, aos quatro minutos, mas isolou a bola. O jogo começou truncado, com o Furacão sem conseguir evoluir com sua conhecida troca de passes.

A primeira descida rubro-negra aconteceu aos 12 minutos, com Lucho cruzando na mediada para Pablo desviar nas mãos do goleiro Vieira. A resposta veio aos 18 minutos, com levantamento para Yony González, que dividiu com Thiago Heleno e mandou pela linha de fundo. Cruzamento rasteiro na área atleticana, aos 25 minutos, a bola passou por todo mundo e Yony González, de frente para o gol, não conseguiu o domínio.

O Júnior cresceu de produção e, aos 30 minutos, Barreara fez a jogada, que sobrou nos pés de Luis Dias, que girou o corpo e acertou um belo chute, por cima da meta, com perigo. Para evitar mais sufoco, o Atlético buscava ficar com a posse de bola, esperando por algum espaço para atacar. Gutiérrez aproveitou cochilo de Renan Lodi, aos 42 minutos, cruzou fechado e acertou a rede, mas pelo lado de fora.

Gols e sorte

Para a etapa final, nenhuma modificação nas duas equipes. E o Furacão assustou logo no primeiro ataque, em cobrança de escanteio que Léo Pereira subiu para completar para fora, com muito perigo. Mas, aos quatro minutos, Nikão avançou em velocidade e serviu Pablo, que invadiu a área e tocou para a rede para abrir o placar. O Atlético comemorava quando, aos sete minutos, bate-rebate na área e a bola sobrou para Yony González deixar tudo igual.

Com dores, Pablo deu lugar a Rony na partida. A disputa seguia grande no meio-campo, com muita disposição, mas pouca criação. Aos 20 minutos, Lucho cobrou falta, Léo Pereira tentou o desvio e a defesa Colômbia na afastou o perigo. Reclamação dos brasileiros, aos 24 minutos depois que Thiago Heleno foi travado dentro da área e caiu. Na sequência, confusão na área atleticana, bola tirada em cima da linha, até que Rony derrubou Guitierrez e o árbitro anotou o pênalti. Na cobrança, Pérez acertou o travessão.

O técnico Tiago Nunes, já pensando na volta, colocou o volante Wellington no lugar o meia Raphael Veiga. Bom lançamento para Rony, aos 34 minutos, e Vieira deixou a meta para interceptar. Aos 38 minutos, Bruno Guimarães recebeu de Nikão, limpou a marcação, mas ficou sem a bola no momento do arremate. Piedrahita teve a chance de cabecear com liberdade, aos 44 minutos, mas mandou para fora a oportunidade da virada.

JUNIOR BARRANQUILLA 1 X 1 ATLÉTICO-PR 

JUNIOR BARRANQUILLA
Viera, German Gutiérrez, Rafael Pérez, Marlon Piedrahita e Jefferson Gómez; James Sánchez (Moreno), Luis Díaz, Jarlan Barrera e Víctor Cantillo; Luis Narváez (Sebastian Hernández) e Yony González (Luis Ruíz)
Técnico: Julio Comesaña

ATLÉTICO-PR
Santos; Jonathan, Léo Pereira, Thiago Heleno e Renan Lodi; Bruno Guimarães, Lucho González (Marcinho) e Raphael Veiga (Wellington); Marcelo Cirino, Nikão e Pablo (Rony)
Técnico: Tiago Nunes

Local: Estádio Roberto Meléndez, em Barranquilla (Colômbia)
Data: 05/12/2018, quarta-feira
Árbitro: Diego Haro (Peru)
Assistentes: Jonny Bossio (Peru) e Victor Raez (Peru)
Árbitro de vídeo: Gery Vargas [Bolívia]
Árbitros de vídeo assistentes: Alexis Hererra (Venezuela) e Carlos Astroza (Chile)
Cartões amarelos: Rafael Pérez (JUN); Léo Pereira, Bruno Guimarães e Thiago Heleno (ATL)
GOLS: Pablo, aos 4, Yony González, 7min do 2ºT



Notícias Relacionadas
Dólar fecha quase estável após leilão do BC

Economia

Dólar fecha quase estável após leilão do BC

Inflação do aluguel acumula taxa de 7,78% em 12 meses, diz FGV

Economia

Inflação do aluguel acumula taxa de 7,78% em 12 meses, diz FGV

Caixa começa a chamar candidatos aprovados no concurso de 2014

Economia

Caixa começa a chamar candidatos aprovados no concurso de 2014

Rodrigo Moledo desfalca o Internacional por três semanas

Esporte

Rodrigo Moledo desfalca o Internacional por três semanas