19 Anos
Mais de 400 Clientes

Variedade > Esporte

Fonte: Superesportes | Imagem: CBV/Divulgação | Link Notícia

09/08/2019

Após ganhar na estreia, seleção feminina de vôlei perde para Argentina no Pan

Brasil joga mal e leva 3 a 0 e decide vaga contra os Estados Unidos

Informações Compartilhadas Superesportes

Sem contar com algumas das suas principais jogadoras em Lima, a seleção brasileira feminina de vôlei sofreu, nesta quinta-feira, sua primeira derrota nos Jogos Pan-Americanos. Pela segunda rodada da fase de grupos, a equipe perdeu para a Argentina por 3 sets a 0, com parciais de 25/23, 25/19 e 25/23, em 1 hora e 34 minutos. 

Após obter a classificação aos Jogos de Tóquio, em torneio qualificatório disputado na última semana em Uberlândia, a seleção chegou ao Peru sem algumas das suas principais jogadoras, com Natália, Gabi, Bia e Tandara. E na estreia havia batido Porto Rico, por 3 a 0. 

Agora, com a derrota para as argentinas, vai definir o seu futuro no Pan nesta sexta-feira, quando duelará com os Estados Unidos, a partir das 15 horas (de Brasília), em busca de uma vaga nas semifinais - avançam os dois melhores de cada chave. 

Macris, Lorenne, Maira, Lana, Mara e Lara, além da líbero Natinha, foram as titulares do Brasil, que também utilizou Juma, Paula Borgo e Tainara. A oposta Lorenne foi a maior pontuadora entre as brasileiras, com 18 pontos, enquanto a central Mara fez dez. E a oposta argentina Fresco foi a maior pontuadora do duelo, com 26 pontos.

"A Argentina jogou melhor e mereceu a vitória. Nosso passe não foi a contento e o ataque também não funcionou em alguns momentos. Tivemos chances no primeiro set, mas não aproveitamos. De qualquer maneira foi uma partida em que nossas jogadoras lutaram e brigaram pelo resultado até o final", disse o técnico José Roberto Guimarães.

No primeiro set, a Argentina começou melhor e abriu 5/2. O Brasil chegou a reagir e virou o placar para 9/6, mas não sustentou o bom momento, tanto que as argentinas voltaram a ficar novamente em vantagem, de 16/14, e ganharam por 25/23. 

O segundo set foi todo dominado pela Argentina, que logo liderava o placar por 6/2. Foi ao segundo tempo técnico em vantagem de 16/12 e o fechou em 25/19. Na terceira parcial, o Brasil esboçou uma reação ao abrir 8/6 e 12/8. Mas permitiu a virada da Argentina, que triunfou por 25/23, fechando o jogo em 3 a 0.



Notícias Relacionadas
Governo quer mais pesquisa em mineração e energia

Economia

Governo quer mais pesquisa em mineração e energia

Standard & Poors eleva perspectiva de crédito da Petrobras

Economia

Standard & Poors eleva perspectiva de crédito da Petrobras

Seguradora quer reverter decisão do governo de extinguir Dpvat

Economia

Seguradora quer reverter decisão do governo de extinguir Dpvat

Éverton Ribeiro quer Flamengo focado na semifinal do Mundial

Esporte

Éverton Ribeiro quer Flamengo focado na semifinal do Mundial